As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

‘UEA coloca o Amazonas no cenário mundial de pesquisa com a inauguração do CMAbio’, afirma reitor

Inaugurado nesta segunda-feira (14), o CMABio está estruturado com equipamentos de ponta e exclusivos no Brasil

A ciência do Amazonas ganhou, nesta segunda-feira (14/10), uma megaestrutura laboratorial em análises biomédica que servirá como ferramenta para ampliar a capacidade de pesquisa no Estado e colocar o Brasil no cenário mundial de desenvolvimento científico. Isto porque a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) inaugurou na Escola Superior de Ciência da Saúde (ESA) o primeiro Centro Multiusuário para Análise de Fenômenos Biomédicos (CMABio) da região Norte.

O projeto é resultado do convênio da UEA com a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e do Centro Nacional de Biologia Estrutural e Bioimagem (Cenabio) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Durante a solenidade, o reitor da UEA, professor-doutor Cleinaldo Costa, destacou a importância da inovação no campo da pesquisa no Amazonas. “Simplesmente a ciência do nosso Estado hoje tem condições de ver do átomo ao ser vivo completo. É um ganho para o nosso Amazonas. Essa estrutura amplia muito o patamar de pesquisa a ser feita na nossa região. Foi um investimento significativo e corajoso feito em um momento de crise. A UEA continua sendo estratégia para o desenvolvimento do Estado”, ressaltou Cleinaldo, acrescentando que o CMABio permitirá a partir de agora que a ciência do Amazonas desenvolva com o auxílio de equipamentos de ponta, pesquisas de ultraestrutura a microestrutura, um cenário que poucas universidades brasileiras conseguem fazer atualmente.

Já o coordenador do projeto, professor-doutor Diego Regalado, salientou que, em breve, será disponibilizada uma plataforma que servirá de apoio para agendamento de horários para que outras instituições possam usufruir da estrutura para a pesquisa cientifica. “Este é um laboratório classificado como multiusuário, o que permite a utilização do espaço por outras instituições de todo o Brasil para o desenvolvimento de pesquisas nas mais diversas áreas. Os equipamentos do CMABio são ferramentas muito potentes, inclusive, alguns são únicos no País, o que dará a oportunidade de desenvolver artigos com maiores impactos na comunidade cientifica mundial”, disse Regalado.

Por fim, o coordenador explica que os equipamentos disponibilizados no laboratório tem a capacidade de trabalhar as questões que vão além da Biologia, alcançando outras áreas como a Engenharia. “Então, a possibilidade de impermeabilidade do laboratório, das pesquisas, é muito maior do que se imagina. Isso é inovação no nosso Estado”.

A solenidade de inauguração contou com a participação dos coordenadores do projeto, professores-doutores Diego Regalado e Wanderley de Souza, da pró-reitora de Pesquisa e Pós-graduação da UEA (Propesp), Ana Paula Mourão, do diretor do Centro Nacional de Bioimagem da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), professor-doutor Adalberto Vieira, da subsecretária municipal de Gestão de Saúde, Adriana Lopes, da diretora-presidente da Fundação de Amparo e Pesquisa do Amazonas (Fapeam), professora e doutora Márcia Perales Mendes.

Estrutura – Hoje, o CMABio está equipado com microscópios eletrônicos de transmissão e varredura, microscópios ópticos confocais e de fluorescência, de última geração, bem como uma equipe de técnicos especializados e experientes pesquisadores. O Centro auxiliará projetos de pesquisas de instituições públicas e privadas, além de apoiar o setor empresarial brasileiro com enfoque na Região Norte.

FOTO: Joelma Sanmelo

você pode gostar também