Amazonas Notícias

Unidades de saúde da prefeitura mobilizam população na zona Leste no ‘Dia D do Março Lilás’

Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), mobiliza a população da zona Leste em torno da prevenção do câncer de colo do útero no “Dia D do Março Lilás”. A programação acontece na manhã do sábado, 9/3, na Unidade de Saúde da Família (USF) Alfredo Campos, no bairro Zumbi dos Palmares, e USF Amazonas Palhano, no São José Operário, além da Unidade Móvel de Saúde da Mulher que atende a zona Leste.

No “Dia D”, das 8h às 12h, as unidades de saúde integrantes da ação vão intensificar a oferta do exame citopatológico do colo do útero, ou preventivo, indicado para usuárias na faixa etária de 25 a 64 anos, e da vacinação contra o papilomavírus humano (HPV), para crianças e adolescentes com idade de 9 a 14 anos, de ambos os sexos. As equipes vão atuar ainda nas comunidades, com a busca ativa de usuárias em falta no acompanhamento de saúde ou elegíveis para rastreio.

Os profissionais da Semsa vão também sensibilizar a população em atendimento nas unidades de saúde sobre o câncer do colo uterino. Nas recepções, salas de espera e consultórios, as equipes vão orientar usuárias e usuários sobre medidas de prevenção, a importância do exame preventivo e da vacinação contra o HPV, entre outros temas de educação em saúde.

Conforme a chefe da Divisão de Atenção à Saúde da Mulher, Lúcia Freitas, o “Dia D” na zona Leste é o primeiro de uma série de ações que deverão alcançar também os Distritos de Saúde (Disas) Norte, Sul e Oeste, aos sábados, ao longo deste mês. A estratégia integra a agenda do “Março Lilás” da Semsa para sensibilizar a população sobre o câncer uterino e incentivar o cuidado e prevenção entre as mulheres.

“A prevenção e rastreio do câncer do colo do útero é ofertada o ano inteiro na rede municipal. No ‘Março Lilás’, buscamos chamar a atenção das mulheres para que cuidem da saúde, procurem as unidades básicas para fazer o preventivo, e também vacinem os filhos contra o HPV”, aponta a servidora.

Lúcia explica que todas as mulheres que iniciaram a vida sexual podem fazer o preventivo, prioritariamente aquelas de 25 a 64 anos. O exame deve ser feito a cada três anos, após dois resultados normais em anos consecutivos. A gestora reforça a importância do acompanhamento junto à unidade de saúde para mulheres já adeptas do procedimento.

“Tão importante quanto fazer o exame é a mulher buscar o resultado para levar ao profissional de saúde. Uma alteração no resultado não é sinônimo de câncer, pois o diagnóstico depende de biópsia, por isso é essencial ter a avaliação clínica para orientação e encaminhamento adequados”, pontua.

As ações do “Dia D” incluem ainda distribuição de preservativos, oferta de consultas médicas e de enfermagem para exame da mama, testes rápidos para infecções sexualmente transmissíveis (ISTs) e requisição de mamografias, entre outros serviços.

Unidade Móvel

A Unidade Móvel de Saúde da Mulher que atende as usuárias da zona Leste vai promover as ações de educação em saúde e atendimentos do “Dia D do Março Lilás” no shopping São José, na avenida Cosme Ferreira, 4.605, bairro São José Operário, no sábado, 9/3. A estrutura tem previsão de funcionamento no endereço até o dia 15/3.

Em razão do tempo necessário para deslocamento e preparo para a ativação da estrutura no novo local, o serviço móvel encerrou nesta quinta-feira, 7/3, o atendimento em sua base atual, na rua São Paulo, s/n, na entrada da comunidade Cidade Alta, bairro Jorge Teixeira.

‘Dia D’

Após a zona Leste, o próximo “Dia D do Março Lilás” será realizado no Disa Norte, no dia 16/3, com ações de saúde na USF Áugias Gadelha, no conjunto Ribeiro Júnior, bairro Cidade Nova; USF Major PM Sálvio Belota, no Santa Etelvina; e na clínica da família Carmen Nicolau, no Lago Azul. A Unidade Móvel de Saúde da Mulher da zona Norte também participa da mobilização.

No próximo dia 23, o “Dia D” acontece no Distrito Oeste, com ação na USF Leonor de Freitas, no bairro Compensa; USF Deodato de Miranda Leão, no Glória; e na unidade móvel que atende aquela zona da cidade. A mobilização ocorre na mesma data no Disa Sul da Semsa, na USF Dr. José Rayol dos Santos.

Campanha

Como parte da campanha “Março Lilás”, desde o dia 1º/3, a Semsa vem reforçando as ações de prevenção e rastreio do câncer do colo do útero em todas as unidades da rede básica, com intensificação da oferta da vacinação contra o HPV e da coleta do exame preventivo, entre outros serviços, além da busca ativa nas comunidades. Rodas de conversa, palestras e outras ações de educação em saúde também integram a rotina da rede básica ao longo deste mês.

As ações de conscientização também chegam às ruas com mobilizações e atividades educativas fora das unidades básicas. No dia 14, equipes do Distrito Sul da Semsa promovem panfletagem na Bola do Eldorado, em parceria com graduandos de Enfermagem da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDM). Já no dia 20, profissionais dos Disas Norte e Leste farão um apitaço na Feira do Produtor, na zona Norte, em parceria com a Liga Acadêmica de Atenção Integral à Saúde da Mulher da Universidade do Estado do Amazonas (Laism/UEA).

A agenda do “Março Lilás” abrange ainda a educação permanente em saúde, com a realização de uma webconferência com o tema “Coleta em meio líquido: Inovação no rastreio do câncer do colo do útero na rede municipal”, no próximo dia 13. A atividade on-line é voltada aos profissionais da rede básica e faz parte do projeto “Diálogos na Atenção Primária à Saúde”, da Semsa.

Confira as unidades de saúde do “Dia D do Março Lilás” na zona Leste, no sábado, 9/3:

∙ USF Dr. Alfredo Campos – Alameda Cosme Ferreira, s/n, bairro Zumbi dos Palmares

∙ USF Dr. José Amazonas Palhano – Rua Antônio Matias, s/n, bairro São José Operário

∙ Unidade Móvel de Saúde da Mulher da zona Leste – Shopping São José, na avenida Cosme Ferreira, 4.605, São José 

— — —

Texto – Jony Clay Borges / Semsa

Fotos – Divulgação / Semsa

Relacioandos