Veja fotos – Mais de 50 pessoas são presas em Manaus por vários crimes durante operação “Guardiães da Eleição”

A Polícia Civil do Amazonas apresentou na manhã desta sexta-feira (28/09), no prédio da Delegacia Geral, o balanço da operação “Guardiães da Eleição” que resultou nas prisões de 47 pessoas em cumprimento de mandados de prisão criminal e no flagrante de outros cinco indivíduos. Ao todo, 52 pessoas foram presas durante ação policial, por envolvimento em crimes distintos. O trabalho foi feito durante toda semana.

Resultado dos trabalhos – No total, foram presas, em cumprimento a mandados de prisão, 47 pessoas por envolvimento em crimes como homicídio, roubo, tráfico de drogas, ameaça, e outros delitos. Três, dessas 47 pessoas, são mulheres. Outras cinco pessoas foram presas em flagrante, sendo uma por lesão corporal gravíssima, uma por tráfico de drogas, e três por porte ilegal de arma de fogo, totalizando 52 prisões.

Efetivo – O diretor do DPM pontuou que o resultado da operação “Guardiães da Eleição” foi devido a um trabalho conjunto entre policiais civis lotados no DPM, nos 30 Distritos Integrados de Polícia (DIPs) da capital, com a coordenação dos delegados titulares das seis Delegacias Seccionais da cidade, além de equipes da Delegacia Especializada em Crimes contra a Mulher (DECCM) e da Delegacia Especializada em Capturas e Polinter (DECP).

Trâmites – Ao término dos procedimentos cabíveis, os 44 homens presos em cumprimento a mandados de prisão serão encaminhados ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM). As três mulheres presas serão levadas para Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF). Os cinco homens presos em flagrante serão levados para Audiência de Custódia, no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, no bairro São Francisco, zona sul da capital.

FOTOS: ERLON RODRIGUES/PC-AM