Veja – Nove pessoas são presas com drogas, dinheiro e munições durante operação deflagrada na capital

A Polícia Civil do Amazonas deflagrou na manhã desta quinta-feira (18/10)operação policial em bairros distintos da capital, resultando nas prisões de nove pessoas, sendo quatro em cumprimento de mandados de prisão preventiva por roubo e cinco flagrantes por tráfico de drogas e posse de munição de uso restrito. Durante a ação os policiais civis apreenderam drogas, munições de calibre restrito, dinheiro, cinco balanças de precisão e material para embalo de entorpecentes.

A ação, iniciada às 6h, foi desencadeada por policiais civis que atuam no 5º, 8º, 19º,20º e 21º Distritos Integrados de Polícia (DIPs), sob o comando da delegada Rita Tenório, titular da 4ª Seccional Oeste. O resultado da operação foi apresentado durante coletiva de imprensa realizada ainda na manhã desta quinta-feira (18/10), às 11h30, no prédio do 19°DIP. Ao longo da coletiva, a autoridade policial destacou o objetivo da operação.

“O foco é combater, principalmente, o tráfico de drogas e tirar de circulação armas e munições. Como consequência, diminuir a prática criminosa nos bairros que compõem a zona oeste, restabelecendo a paz e tranquilidade. Com a recriação das Seccionais, ações desse tipo serão constantes para trazer mais tranquilidade à população”, pontuou a titular da 4ª Seccional Oeste.

Conforme Aldeney Goes, titular do 19° DIP, toda a operação foi planejada no decorrer da semana com a 4ª Seccional Oeste, para que não houvesse oportunidade de fuga dos infratores. “Esse foi um pedido que nos foi feito desde o início da gestão da delegada Rita Tenório à frente da 4ª Seccional Oeste, para que atuássemos de forma enérgica para coibir a criminalidade”, salientou.

O delegado Felipe Vasconcelos, titular do 20° DIP, destacou a eficácia da operação, que contou ainda com a ajuda da população. “A participação da comunidade sempre é importante. Realizaremos mais ações dessas. Temos outras operações em planejamento, para combater tanto roubos, como o tráfico de drogas em toda a zona oeste”, disse.

Investigações – Rita Tenório afirmou, ainda, que a operação abrangeu quase todos os bairros da zona oeste, no intuito de reprimir o tráfico de drogas e apreender munições, tendo em vista a ocorrência de homicídios naquela área.

“Recebemos diversas denúncias, por meio do número 181, o disque – denúncia da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) e de pessoas que nos procuram na delegacia, informando que não aguentam mais os crimes praticados na região da zona oeste. Então fizemos um levantamento rápido, célere, que é a intenção da 4ª Seccional Oeste, que abrange o 5º, 8°, 19°, 20º e 21° DIPs. Inclusive, eu queria parabenizá-los pelo excelente trabalho. Agiram de forma rápida, como deve ser, tendo êxito na intenção que era justamente tirar esse pessoal de circulação, pessoas que não podem viver em sociedade”, argumentou Tenório.

Material apreendido – Ao longo da ação os policiais civis apreenderam 77 munições, sendo 50 cartuchos de munição nove milímetros, quatro munições de nove milímetros, uma munição de calibre 38, 20 munições de calibre 380 e outras duas munições sem calibre especificado, além de 54 trouxinhas de maconha, 18 trouxinhas de cocaína, uma pedra de oxi e uma porção média de pasta base de cocaína, além de cinco balanças de precisão, material para embalo e R$ 7.279,00 em espécie.

Prisões e apreensões – Durante a ação foram presos os primos Anderson Koíde da Silva, 21, e Janderson Kóide Palheta, 24; além de Valdiney Silva de Souza, 40, conhecido como “Tiroliro”;Jhony Vitor de Sousa Cruz, 30;Adriel Bruno Marques, 30; Patrick Jonhson Oliveira de Araújo, 24; Jehniffer Barroso Torres, 20;Eduardo da Silva Ribeiro, 24, e Matheus Lopes Saldanha, 20.As ordens judiciais foram expedidas neste ano.

A operação abrangeu quase todos os bairros da zona oeste

A delegada explicou que Matheus já está preso em uma das unidades prisionais da capital, onde cumpre pena pela prática de outro crime cometido. Rita Tenório disse, ainda, que Jehniffer, além de envolvimento em roubos naquela região, também teria participação em roubos, na capital, a motoristas de aplicativos de transporte privado urbano.

“Ela arquitetava toda a logística. Quando os motoristas chegavam no local combinado eram surpreendidos por infratores. Peço a quem reconhecer qualquer um desses elementos, que talvez tenham cometido outros delitos, para que nos procurem na delegacia e formalizem a ocorrência, para que possamos, assim, incluir ao processo criminal deles”, pontuou Tenório.

Flagrantes – Adriel, Janderson, Jhony, Valdiney foram autuados em flagrante por tráfico de drogas. Anderson e Janderson irão responder por associação para o tráfico de drogas. Janderson irá responder, ainda, por porte ilegal de munição de uso restrito. Já Jhony foi autuado, também, por posse de munição de uso restrito. Adriel foi autuado em flagrante também por posse de munição de uso permitido.

Logo após os procedimentos cabíveis na unidade policial, os cinco indivíduos serão levados para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul da capital.

Indiciamentos – Eduardo, Jehniffer, Matheus e Patrick foram indiciados por roubo. Ao término dos trâmites cabíveis na delegacia, Eduardo e Patrick serão encaminhados ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM). Já Jehniffer será levada ao Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF).Matheus permanecerá preso na unidade prisional onde cumpre pena por outro crime praticado.

FOTOS: Erlon Rodrigues / Assessoria de Imprensa da Polícia Civil do Estado do Amazonas.