Amazonas Notícias

Vitiligo: por que a pele da participante do BBB não ficou toda branca como a de Michael Jackson?

Manchas brancas variam conforme cada caso; cantou realizou procedimentos estéticos para clarear a pele

Em sua edição de 2022, o reality show Big Brother Brasil (BBB) conta com a participação da modelo de Minas Gerais Natália Deodato. A mineira possui vitiligo, uma doença que provoca manchas brancas na pele e atinge mais de 1 milhão de pessoas no Brasil, segundo dados da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Não há cura para o vitiligo, explica o médico dermatologista Rafael Soares: “o vitiligo não é contagioso, trata-se de uma doença autoimune e sem cura. Quem sofre de vitiligo não tem limitações físicas ou cognitivas”, pontua o especialista em dermatologia.

O maior impacto da doença no corpo é estético: “as manchas brancas são ocasionadas pela falta de melanina, que é o pigmento da derme. Podem ocorrer tanto em uma parte segmentada do corpo, como por toda a extensão da pele”, informa o dermatologista Rafael Soares. Outro fator relatado pelos pacientes é o aumento da sensibilidade da região despigmentada, o que exige mais cuidados, principalmente tratando-se de proteção solar.

Além do preconceito pela falta de informação sobre o vitiligo, um dos maiores desafios enfrentados é o impacto na saúde mental, já que as mudanças na aparência podem levar à baixa na autoestima. O cantor Michael Jackson descobriu que sofria de vitiligo durante a adolescência, fato que provocou problemas emocionais no astro do pop.

Devido a variabilidade da doença, algumas pessoas possuem mais manchas brancas do que as outras. De acordo com a biografia de Michael Jackson produzida por Randy Taraborrelli, no caso do cantor, o vitiligo afetou a maior parte da sua pele, então Michael realizou procedimentos estéticos para clarear as poucas partes da sua pele que permaneceram intactas.

Essa é uma das razões pelas quais Michael Jackson vivia sob guarda-chuvas, sempre usava roupas que cobriam a maior parte do seu corpo (como luva e meias) e também utilizava muita maquiagem.

Sobre Rafael Soares

Dr. Rafael Soares é médico pela Universidade Federal de Ciências Médicas de Porto Alegre, com título de especialista em dermatologia pela Associação Médica Brasileira (AMB) e Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), assim como pós-graduação em nutrologia pela Associação Brasileira de Nutrologia. Seu número de registro no CRM é 128012-SP.

De família humilde, Dr. Rafael veio de uma criação simples, mas onde a educação sempre foi um princípio, visto que seu pai trabalhou como caminhoneiro durante boa parte da vida e se formou em Direito com quase 50 anos e a mãe era professora de escola pública.

Para cursar medicina, precisou prestar concurso para estudar no Colégio Militar de Porto Alegre e assim receber uma educação que lhe proporcionasse melhores oportunidades de concorrência a uma vaga em uma universidade Federal.

Na trajetória profissional, além da atuação na dermatologia clínica e estética, assim como na nutrologia, Dr. Rafael Soares se dedicou à docência desde 2009 na mesma instituição onde se formou. Atualmente voltado para ministrar cursos específicos de especialização, o médico é referência no tratamento de doenças de pele e de técnicas exclusivas em estética.

Relacioandos